DIA DE RITINHA

LONGA | DRAMA | EM DESENVOLVIMENTO

criação e roteiro

Rita trabalha como diarista em diferentes casas familiares durante a semana. Em uma destas casas ela conhece Francis, uma mulher de setenta e poucos anos portadora de uma doença degenerativa e que deseja abreviar sua própria vida. 


Após a morte de Francis, sua filha Angela acusa Rita de homicídio. Mesmo depois de entender as motivações que levaram Rita a ajudar sua mãe a morrer, Angela não consegue mais evitar que Rita seja julgada pela lei e pela sociedade. 

Rita, Angela e Francis são três mulheres negras inseridas em diferentes contextos sociais, uma diarista, uma professora universitária aposentada e a esposa de um cirurgião. Como o racismo estrutural e a opressão machista opera de diferentes formas sobre todas elas? E a justiça e a opinião pública olham para estas três mulheres negras como olha para três mulheres brancas? Por qual “crime” Rita será condenada? 
 

Participação em Laboratórios de Roteiro
2018 – Laboratório de Narrativas Negras - FLUP | Dia de Ritinha – minissérie para TV
2016 – Finalista Laboratório de Cinema Porto Iracema | Dia de Ritinha – longa-metragem

© Todas as obras apresentadas estão registradas e protegidas pela lei do direito autoral.